Vida e Saúde

Nutricionista revela que comer chocolate todo dia não é pecado

Atualizado em: 05/04/2014

chocolate

Como resistir a tanta tentação? A nutricionista Anita Sachs ensina. Comer chocolate todo dia não é pecado. “O chocolate não é um vilão. Ele tem cálcio, ele tem proteína, ele tem gordura, ele tem açúcar, ele tem substâncias importantes. Tem algumas vitaminas. O grande problema é a quantidade”, explica.
E as calorias. Uma barra de chocolate de 150 gramas tem aproximadamente 800 calorias.
O ideal é ingerir em doses homeopáticas. “De dois a três quadradinhos por dia. Aproximadamente 10 a 15 gramas de chocolate por dia”, conta.
Já imaginou incluir chocolate na dieta por orientação médica? Uma pesquisa feita em um hospital do Rio de Janeiro concluiu que o chocolate pode ajudar a controlar a hipertensão, mas não é exatamente um doce remédio. Para fazer bem à saúde, o chocolate tem que ser amargo.
Durante uma semana, os pacientes comeram três tabletes pequenos ou 75 gramas de chocolate amargo por dia. Com pelo menos 70% de cacau na composição. A primeira reação que o tratamento provocou foi a surpresa.
A pesquisa foi feita no hospital da Universidade do Estado do Rio de Janeiro com 25 pacientes. Todos continuaram tomando remédio para controlar a pressão, além das doses diárias de chocolate. O estudo concluiu que a maioria apresentou melhora na pressão arterial. E não foi só isso.
Dona Valmira, de 69 anos, teve uma melhora na função vascular. O efeito é resultado da ação dos flavonoides, uma substância antioxidante e anti-inflamatória. E o chocolate amargo está entre os alimentos mais ricos em flavonoides.

Fonte:G1

 

Vida e Saúde