Vida e Saúde

Mulheres morrem mais de doenças de coração do que de câncer

Atualizado em: 12/05/2015

coraçao-mulher

Embora muitas mulheres pensem que o câncer é a principal causa da morte, os especialistas dizem que as mulheres morrem mais de doenças cardíacas do que de todas as formas de câncer, e que essas mortes podem ser evitadas. Uma em cada três mulheres morre de doença cardíaca nos Estados Unidos, segundo Donna Arnett, diretora do Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Saúde Pública da Universidade do Alabama.

 

A estimativa é que uma em cada oito mulheres terá câncer de seio e que 94% sobrevivem ao câncer, mas, no entanto, as mulheres têm mais medo do câncer do que das doenças cardíacas. Isso porque as mulheres ainda acreditam que doenças cardíacas são doenças de homens Os sintomas de um ataque cardíaco em mulheres também podem ser diferentes dos homens. Muitas mulheres podem não sentir a clássica dor no peito. As mulheres mais frequentemente sentem náusea, vômitos e dor nas costas.

Para combater o aparecimento de doença cardíaca, as mulheres devem seguir os 7 pontos para uma vida saudável, que têm por foco o controle da pressão arterial, a redução do açúcar no sangue, não fumar, perder peso, permanecer ativa, controlar o colesterol e comer melhor. Muitas pessoas pensam que, se são geneticamente predispostas, é um destino que não podem mudar, o que não é verdade. O paciente possui o controle.

O foco sobre um coração saudável precisa começar ainda na juventude e até mesmo na infância. Qualquer fator de risco aumenta muito na fase adulta. O mais importante é a prevenção primordial, que é a prevenção dos fatores de risco acima referido. Nas idades mais jovens, o enfoque deverá ser o estilo de vida – exercícios regulares, dieta saudável, controle de peso, e não fumar.

 

Fonte: Da Redação com Am. J. Med

Vida e Saúde