Vida e Saúde

Mães divergem sobre maquiagem infantil

Atualizado em: 10/09/2012

crian%C3%A7as

Clara, 6, e Laís, 8, quando se juntam com as amiguinhas, costumam se pintar com os produtos da mãe, Veridiana Corbaro, 35.

A médica conta que as meninas pegaram seu estojo de maquiagem pela primeira vez sem perguntar a ela primeiro, mas que, agora, elas pedem para usar.

"Eu deixo. Se a criança é tratada como criança, usa numa brincadeira, não vejo problema. O problema é se vestir como adulto, com roupas justas", diz Veridiana.

Mesmo usando produtos para adultos, as meninas nunca tiveram problemas, mas a mãe diz que preferiria comprar sombras para crianças, se houvesse. Desodorante, não. "Não precisa."

Já a empresária Daniela Themudo Lessa, 37, se diz "supercontra" e não gosta quando a filha Carolina, 7, é maquiada nas festinhas dos colegas de escola.

Daniela diz que a filha costuma pedir para pintar as unhas com esmalte escuro, por exemplo, argumentando que as amiguinhas pintam.

"Tento conter essa pressão. Se vestir de princesa, pôr coroa, tudo bem, mas usar maquiagem, unha vermelha, deixar a criança adulta, não gosto. Isso é pular etapas."

Para Daniela, criar linhas de sombras para crianças é um excesso. "Não é necessário. Uma criança de seis anos de sombra azul, para quê? Acho até feio criança maquiada. Mesmo sendo antialérgico, próprio, acho péssimo."

Ela também não compraria um desodorante para a filha, mas não veria problema em deixá-la usar se ganhasse. "Criança é muito da empolgação. Usa por três dias, depois deixa guardado."

A psicóloga e colunista da Folha Rosely Sayão diz que o uso da maquiagem como brincadeira é normal, mas acha que não é preciso haver uma linha específica de produtos para isso.

"Só se for para adultizar, ajudar a destruir a infância." Para Rosely, há uma dificuldade hoje em suportar que é preciso segurar a criança na infância. "A gente não pode só dizer: 'Eles gostam'.

Eles não têm ideia de que isso vai ser prejudicial depois."

Foto: Laís, 8 (à esq.), e Clara, 6, em sua casa em São Paulo; meninas pegam maquiagem da mãe / Adriano Vizoni / Folhapress

Uol

Vida e Saúde