Vida e Saúde

Glaucoma na gravidez pode causar hemorragia e aborto

Atualizado em: 07/06/2015

gravidez-com-glaucoma

Doença que quando aparece em pessoas jovens precisa ser tratada com urgência, o glaucoma pode, indiretamente, trazer riscos à gestação, já que o colírios usados em seu tratamento podem aumentar os riscos de hemorragia.

Segundo o oftalmologista Kássey Vasconcelos, o glaucoma é uma patologia que aumenta a pressão intraocular e lesiona o nervo ótico. “A destruição de parte desse canal impede que as imagens sejam levadas ate o cérebro para serem decodificadas”, explica.

Tenho glaucoma e estou grávida: há riscos?

O tratamento da doença pode vir através de cirurgias corretoras ou com o uso de colírios. O problema para as mulheres que detectam a doença durante a gestação, segundo o especialista, está na fórmula dos medicamentos prescritos.

“A maioria dos colírios indicados para o glaucoma podem prejudicar o feto”, diz. Os componentes presentes nos remédios ultrapassam as barreiras placentárias, estimulam a vasodilatação e podem causar hemorragias, e, consequentemente, abortos.

O que fazer?

Para Kássey, mulheres que possuem a doença devem, antes de engravidar, estudar com o médico que acompanha o caso as possibilidades de alterar a prescrição.

Para o diagnóstico durante nove meses, o mais indicado é estudar o caso individualmente. “Podemos receitar remédios com fórmulas diferentes ou optar pela cirurgia”, finaliza.

Fonte: Da Redação com Bolsa de Mulher

Vida e Saúde