Dicas para reduzir o estresse de fim de ano

Fina Fatia, empresa paraibana, referência em gastronomia, completa 10 anos.
24 de dezembro de 2013
Playslist de Férias
26 de dezembro de 2013

Dicas para reduzir o estresse de fim de ano

Com a proximidade do final do ano, a pressão no trabalho tende a aumentar: cobrança sobre as metas, relatórios finais, balanço do semestre, reestruturações e cansaço acumulado dos meses anteriores. Além disso, a correria da compra de presentes, o encontro entre amigos, tudo isso pode aumentar o estresse.
Uma boa noite de sono, alimentação saudável e gerenciar o tempo ajudam a reduzir estresse de fim de ano
O clínico e cardiologista Antonio Carlos Till, da clínica Vita Check-Up Center, explica que o estresse é um dos mais importantes fatores de pressão e desequilíbrio psicológicos que podem surgir no ambiente ocupacional. É difícil evitar o estresse no nosso dia a dia, mas é possível gerenciá-lo, o que ajuda a diminuir seu impacto nas relações do cotidiano.

Para isso, procure controlar sentimentos como ansiedade, irritabilidade e insatisfação. Para conseguir isto, é imprescindível ter, periodicamente, momentos de lazer com os amigos e curtir a família.Namore, passeie, viaje, faça atividades que proporcionem relaxamento físico e emocional.
A qualidade do sono tem impacto direto no desempenho intelectual e na capacidade de memória, ajudando também na reposição Das energias. Por isso, o sono deve ser tratado com atenção. Antes de dormir, procure ter hábitos como fazer refeições leves; elimine o consumo de álcool em excesso, sobretudo durante a semana; evite falar de temas que fomentem ansiedade e/ou preocupação ou acessar o computador para ver emails de trabalho; crie um ambiente adequado para um sono tranquilo, com baixa luminosidade, temperatura ideal e pouco ruído
Nos fins de semana ou nos momentos de folga, realize atividades que te tragam prazer, sensações inesquecíveis, que te distraiam e não te façam se lembrar da rotina de trabalho, sugere o cardiologista.
Alguns nutrientes auxiliam a busca por equilíbrio, como as frutas vermelhas, que protegem o cérebro de radicais livres; cereais integrais, que deixam o sistema nervoso mais saudável, nozes, linhaça, sementes de chia e folhas verdes, que melhoram as atividades cognitivas.
A prática regular de atividade física é fundamental para manter uma vida em equilíbrio.

Fonte:R7

Cristiani Meller
Cristiani Meller, Analista Financeira e Gerente Comercial do Portal Mulher de Fato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *