Vida e Saúde

Britânica sofre até 500 orgasmos por dia

Atualizado em: 15/10/2012

zara

 Cleaner Zara, de 30 anos sofre da Síndrome de Excitação Sexual Persistente, o que significa que ela pode ter até 500 orgasmos por dia.

A mulher, que mora em Basingstoke, Inglaterra, descobriu a doença em 2010, depois de sentir-se constantemente excitada, segundo o tabloide The Sun.

— Eu não tenho controle sobre o meu corpo e isso afeta todos os aspectos da minha vida.

Zara disse que qualquer movimento, como andar de trem ou o celular vibrar a faz sentir excitada.

— Esse sentimento nunca vai embora. Tento me distrair fazendo exercícios, tomo banho quente ou assisto a um filme deprimente, mas, mesmo assim, essa sensação continua.

Depois de quase ter até 500 orgasmos por dia, Zara resolveu procurar ajuda em sites e fóruns na qual ela percebeu que não era a única que tinha esse problema. Depois disso, ela fez uma consulta ao seu médico.

— Meu médico receitou antidepressivos leves, anti-inflamatórios e analgésicos para quando tiver os ataques.

Além disso, ela também utiliza compressas quentes e frias para parar os orgasmos.

Esse problema também causou o rompimento do namoro com Rob, de 33 anos, pois ele não conseguia lidar com o fato de que não havia forma de satisfazê-la sexualmente.

Hoje, Zara está planejando participar de estudos globais para ajudar especialistas sobre a síndrome.

R7

Vida e Saúde