Turismo e Cultura

Paraíba ganha mais atrativos e cresce movimentação turística

Atualizado em: 28/12/2014

joao pessoa

O verão é, inegavelmente, a época do ano em que o Nordeste recebe mais visitantes, e na Paraíba não é diferente. Sol, mar e calor são os principais atrativos citados pelos turistas, porém, vários setores têm se empenhado mais e se especializado para oferecer estrutura e opções de lazer para quem vem ao estado, impulsionando também a economia local.

A realização de um evento do porte do Fest Verão Paraíba – que há 10 anos atrai mais de 80 mil pessoas por ano – movimenta diversos setores da economia, especialmente o Turismo e toda a sua cadeia produtiva. Bares, hotéis, restaurantes, comércio e prestadores de serviços, como taxistas e guias, acabam se beneficiando do aporte de mais uma atração para o Estado que traz gente de diversas cidades da região e, até mesmo, estados vizinhos.

Em todos esses anos de realização, o festival já entrou no calendário das férias e está consolidado como um dos maiores do Brasil. Eventos como este e a divulgação constante do destino Paraíba na mídia de outros Estados e países ajudam a tornar o litoral paraibano ainda mais movimentado.

Segundo dados divulgados pela Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), a Paraíba vai receber 1 milhão de turistas entre os meses de dezembro e março 2015 – o que representa um aumento superior a 5% em relação ao mesmo período do ano passado –, sendo janeiro a época de maior movimentação. A expectativa é que a rede hoteleira mantenha uma ocupação superior a 75% e que João Pessoa atraia a maior parte dos visitantes, concentrando mais de 65%. De acordo com a presidente da PBTur, Ruth Avelino, esse dados comprovam que a Paraíba hoje está entre as principais opções de destino para turistas do Brasil e exterior.

Com esses números, o setor de bares e restaurantes também espera que a movimentação de turistas no Estado seja positiva. “O setor está preparado e espera por essa demanda. O período da Copa do Mundo não foi como planejamos e esperamos que o verão supere as nossas expectativas”, explica o presidente interino da Abrasel-PB, Paulo Amaral.

E não é só no roteiro dos turistas que a Paraíba se inseriu, com a grande movimentação e dinheiro sendo injetado na economia, o Estado atraiu os olhares de investidores. Um dos exemplos é o restaurante Tasca da Esquina – presente em São Paulo e Lisboa – que, além de se beneficiar da quantidade de pessoas que vêm à cidade e ao Estado, também os eleva a outro patamar. Assim como já aconteceu no concorrido mercado paulistano de gastronomia, onde a Tasca da Esquina se tornou uma referência em culinária lusitana, a casa de João Pessoa coloca a cidade no seleto circuito dos grandes restaurantes de classe mundial.

Litoral Norte também avança no turismo
Com várias praias paradisíacas, o Litoral Norte também virou um destino disputado entre os visitantes. Tendo Cabedelo e Lucena como os municípios mais movimentados, a região espera ainda mais para os próximos anos, tudo devido à construção da ponte que liga as duas cidades, facilitando também o deslocamento de quem está em João Pessoa, já que o transporte náutico não é suficiente. “É um importante projeto para o desenvolvimento do turismo, entre outros setores, pois o trajeto será encurtado e realizado em menos tempo, o que, consequentemente, aumentará a movimentação de turistas, sobretudo durante o verão”, explica Selmo Lima, presidente da Associação Amigos do Litoral Norte.

Fonte: Deborah Rosa – Pauta Comunicação

Turismo e Cultura