Notícias

Outubro Rosa: Sobram mamografias em João Pessoa

Atualizado em: 03/10/2013

201310021122040000009805

Na manhã desta quarta-feira, 2, a Prefeitura de João Pessoa deu continuidade às ações que fazem parte da campanha ‘Outubro Rosa’. Um café da manhã, realizado no Casarão 34, serviu para divulgar a programação de todo o evento para a imprensa, ações da gestão municipal e dados sobre os casos de câncer de mama na Capital paraibana.

Segundo dados divulgados pela PMJP, no ano de 2013, entre os meses de janeiro e julho, 31 mulheres morreram por causa do câncer de mama. A prevenção continua sendo a melhor forma de combater a doença, e atualmente, a recomendação principal é que seja feita mamografia, que é mais importante ainda do que o auto-exame. Para aumentar o acesso das mulheres ao exame, a Secretaria de Saúde ampliou a rede de clínicas com mamógrafo, que agora conta também com a Rádio Med, Cedrul, Clínica Dr. Azuis Lessa e Clínica Azuil Lacerda.

“No ano de 2012 eram ofertados 1.900 mamografias, e agora ampliamos esse número para 4.900. Precisamos divulgar que não existe fila de espera para realizar o exame em João Pessoa, e que a autorização é dada nas Unidades de Saúde da Família tanto pelos médicos como pelos enfermeiros”, disse o secretário de Saúde Adalberto Fulgêncio.

Apesar do aumento da quantidade de exames oferecidos, o secretário de Saúde revelou que existem vagas sobrando e que muitas mulheres marcam o exame e não comparecem. O ‘Outubro Rosa’ deste ano também quer quebrar algumas barreiras do machismo. Segundo a secretária de Políticas Públicas para Mulheres, Maria do Socorro Borges Barbosa, em alguns relacionamentos, as mulheres ainda não são “donas” do seu corpo, e por isso são impedidas de fazer a mamografia, já que é necessário que o médico veja e toque nas mamas. A secretária destacou ainda que é importante quebrar esse tipo de atitude, pois os parceiros precisam entender que esse exame é necessário para a saúde da mulher.

A madrinha da campanha, a primeira dama Maysa Cartaxo, falou que essa ação da Prefeitura é para estimular o poder público e os gestores para a importância do fortalecimento de ações na área de saúde da mulher, como também, sensibilizar os médicos para a realização de exames mais minuciosos.

Sobre a campanha

O ‘Outubro Rosa’ tem como foco principal as mulheres entre 50 e 64 anos, que em João Pessoa somam 63.597. Por ano, a gestão municipal pretende realizar 31.796 mamografias.

Para fazer o exame a mulher precisa passar em uma Unidade de Saúde da Família (USF), e com o intuito de facilitar esse acesso, a Prefeitura quer estender até o sábado o funcionamento das unidades que funcionam na Capital paraibana.

Confira a programação completa do ‘Outubro Rosa’ em João Pessoa:

4 de outubro – Sede da Emlur
– Abertura com café da manhã para funcionários da Emlur;
– Ações de mobilização voltadas para a prevenção e o controle do câncer de mama e do colo do útero

5 de outubro – Unidades de Saúde da Família

– Dia ‘D’ de mobilização para a prevenção e o controle do câncer de mama e do colo do útero

11, 14 e 17 de outubro – Auditório do Hospital Santa Isabel / Apoio: SPPM, ATSM

– Qualificação para ACS sobre o fluxo de serviços na rede de atenção, prevenção e tratamento do câncer de mama e do colo do útero;

26 de outubro – Anel interno da Lagoa Parque Solon de Lucena

– Caminhada Rosa;
– Apresentação do Grupo de Chorinho com Mulheres;
– Atividades Educativas com orientações sobre prevenção e tratamento do câncer de mama

27 de outubro – Ciclofaixa de Lazer

– Pedalada Rosa

Dani Rabelo, Portal Mulher de Fato

Notícias