Notícias

Mulheres realizam o sonho de ter o próprio negócio

Atualizado em: 08/03/2012

Que as mulheres estão se destacado como excelentes empreendedoras, isso não é mais novidade. Na Paraíba elas já ocupam diversos ramos, entre eles, alimentação, vestuário, calçados e educação. No caso das empresárias Lúcia Wolmer e Emiliane Lacerda, o setor de atividade escolhido foi educação, e para isso, elas aproveitaram o crescimento de João Pessoa e as novas necessidades do mercado de trabalho.

Os investimentos foi para abertura de uma escola bilíngüe na cidade, e para diminuir os riscos, as educadoras fizeram uma ampla pesquisa de mercado antes de tomarem qualquer decisão e optaram por uma escola com sistema de franquia. “Tínhamos um sonho de abrir uma escola bilíngue que também tivesse como diferencial o programa pedagógico. Pesquisamos durante alguns anos até decidir abrir uma unidade Maple Bear em João Pessoa”, afirma Wolmer.

Com 27 anos de experiência no ensino de idiomas, Lúcia se preparou bastante para encarar o novo investimento.  Além da graduação em Letras Português/Inglês pela USP e especialização em Linguística Aplicada ao ensino de línguas estrangeiras pela UFPB, a educadora também fez um MBA em Gestão Empresarial pela FGV e, este ano, se forma em Psicopedagogia pela UFPB. “Para abrir um negócio é preciso entender do ramo de atuação, mas também ter uma boa visão empresarial”, comenta a professora.

Atualmente a escola oferece o ensino infantil para crianças de 2 a 5 anos e ampliará as séries gradualmente, até atingir o 9° ano do ensino fundamental. “Preferimos começar pequenos, prezando pela qualidade da educação que oferecemos. Nos outros estados onde já existe, a Maple Bear tem índice de rematrícula de aproximadamente 100% e as unidades crescem ano após ano, o que demonstra a satisfação dos pais e alunos com os resultados obtidos. Tenho certeza que aqui não será diferente”, comemora Emiliane Lacerda.

Da redação (com assessoria)

Notícias