Notícias

Animais da Bica recebem picolé de frutas para aliviar o calor

Atualizado em: 01/12/2013

semam_picole_primatas_bica


Para aliviar o desconforto causado pelas altas temperaturas registradas nesta época do ano, a direção do Parque Zoobotânico Arruda Câmara (Bica) inseriu no cardápio dos pequenos mamíferos os picolés de fruta. A ideia é que aos poucos seja inserido o picolé para os grandes mamíferos e outros animais que se adaptem ao cardápio tão refrescante.

As frutas normalmente são oferecidas já cortadas aos animais, no entanto, quando os biólogos percebem que o calor está demasiado, oferecem o alimento como picolé.
 

A bióloga da Bica, Fabiana Leyton, disse que o cardápio varia entre melancia, maça, mamão e ainda laranja, beterraba e cenoura, sendo bom para a saúde do animal e ao mesmo tempo refrescante. “Esse tipo de alimentação é bem aceita por eles. Cada dia oferecemos uma opção diferente para diversificar. Das vezes que fizemos com goiaba, foi o preferido. Fazer esse tipo de manipulação com a fruta é um enriquecimento alimentar”, afirmou Fabiana.

Inicialmente, o picolé foi oferecido para os pequenos mamíferos (macaco prego, mico-de-cara-dourada, mico-de-cheiro e ao macaco Rhesus, além do furão, quati, irara, raposa e guaxinim). “Por enquanto, estamos fazendo apenas para os pequenos mamíferos. Quando fizermos para os grandes, faremos picolés maiores”, informou a bióloga do Parque.

Fonte: Assessoria

Notícias