Gastronomia

Especialista indica: “Vinho combina muito bem com o Verão”

Atualizado em: 05/02/2016

Summer-Wine-Photo

Quem disse que vinho não pode ser degustado no verão? O vinho combina sim com calor, piscina, praia, sempre servido refrescado ou gelado. “É preciso desmistificar a ideia de que vinho só é servido no frio”, afirma Carlos Cabral, especialista da rede Pão de Açúcar. O consultor dá dicas para não errar neste verão.

A primeira delas é quanto à temperatura correta: Os tintos devem ser servidos entre 12º e 15º. Já os brancos entre 8º e 10º. Basta colocá-los meia hora na porta da geladeira ou em um balde de gelo. Os espumantes são uma ótima pedida e devem ser servidos bem gelados, na maioria dos casos entre 4ºC e 6ºC.

Os espumantes nacionais são leves e harmonizam com saladas, podendo ser consumidos nos mais diferentes momentos. Os tintos leves são excelentes dicas para o verão, como os da uva  Pinot Noir. E, claro, os vinhos brancos, que geralmente roubam a cena quando as temperaturas sobem, justamente por serem tradicionalmente mais refrescantes.

Outra opção é o vinho verde português, que, apesar do nome, sua coloração não é verde. Na verdade, o verde refere-se ao frescor epouca idade em que estes vinhos devem ser consumidos. Outra ótima opção são os vinhos rosés, que podem ser escolhidos sem erro, principalmente para quem não curte os brancos e prefere os tintos.

Harmonização com churrasco

Uma pedida típica nas reuniões de amigos no verão é o bom e velho churrasco, uma instituição nacional. Para Carlos Cabral, para as carnes vermelhas, o vinho recomendado é um tinto leve. Se as carnes grelhadas forem brancas, como o frango, um bom espumante brut éuma delícia, combinam bem e não provocam a sensação de estômago muito cheio. Para as saladas em geral, os brancos de Sauvignon Blanc são ideais. Estes vinhos também vão bem com frutos do mar e vegetais em conserva. Os peixes, exceto o bacalhau ao forno, sempre aceitam um bom vinho branco, de preferência das uvas Chardonnay ou Sauvignon Blanc.

​“O espumante tem também benefícios à saúde. Consumido moderadamente, estimula o apetite e melhora a digestão em razão da presença do gás carbônico, magnésio e potássio”, explica Cabral. Os tintos, considerados erroneamente como o inverso do verão, são excelentes dicas para o verão desde que sejam leves – como o Pinot Noir, e os Vinhos Verdes tintos. E, claro, os vinhos brancos, que geralmente roubam a cena quando as temperaturas sobem, justamente por serem tradicionalmente mais refrescantes.

Gastronomia