Esporte

Mario Andretti leva “vovó radical” de 102 anos para “passeio” a 290km/h

Atualizado em: 15/05/2014

vovo1

Do alto de seus 74 anos, Mario Andretti ainda encontra energia de sobra para se dedicar à maior paixão: a velocidade. O campeão mundial de Fórmula 1 de 1978 viveu uma experiência emocionante nesta terça-feira, no tradicional circuito de Indianápolis. Em um carro de dois lugares, o ex-piloto italiano acelerou a 290 km/h na companhia da simpática “vovó” Edith Pittenger, de 102 anos. Corajosa, a americana centenária queria andar ainda mais rápido.
– Foi ótimo. Foi um dia muito divertido. Ele disse que 290 km/h seria o máximo. Eu queria chegar aos 320 km/h, mas ele achou melhor desistir da ideia – disse Edith.
Parentes de Edith vieram de vários lugares dos EUA para acompanhar as voltas em Indianápolis. Ao fim da sessão, a “vovó radical” aconselhou os familiares e amigos:
– Acho melhor ninguém tentar fazer isso – brincou.

vovo2Mario Andretti posa ao lado de Edith Pittenger, de 102 anos, e sua família (Foto: Reprodução / Twitter)

A americana é adepta de altas doses de adrenalina desde 2008, quando andou pela primeira vez em Indianápolis, ao lado do piloto holandês Arie Luyendyk Jr., de 32 anos. Em seu aniversário de 100 anos, Edith decidiu saltar de paraquedas. Este ano, a simpática senhora resolveu repetir a aventura de voar baixo no principal palco do automobilismo nos EUA. O escolhido para a missão foi Andretti, 28 anos mais jovem. O campeão de F-1 gostou tanto da experiência que se ofereceu para acompanhá-la todos os anos. A resposta ao convite veio em tom bem-humorado:
– Se eu ainda estiver por aqui, estarei pronta para mais umas voltas – disse a “vovó”.

vovo3Edith Pittenger, de 102 anos, recebe auxílio para sair do carro de dois lugares em Indianápolis (Reprodução / YouTube)

Fonte:G1

Esporte