Economia

Usuários de contas financeiras pré-pagas crescem no país

Atualizado em: 22/03/2016

mobile money

Em 2015, o percentual de bancarização brasileira aumentou e atingiu o melhor número em nove anos, 64% do total, ou o correspondente a 86,3 milhões de pessoas, segundo dados nacionais revelados por pesquisa da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro. Porém, ainda temos parte dos brasileiros que enfrentam dificuldades em abrir uma conta no banco, como a exigência de documentos, comprovação de residência e renda, entre outras.

Para esse perfil, uma alternativa são as contas financeiras pré-pagas disponibilizadas por operadoras de celular, como o TIM Multibank Caixa. Lançado no final do ano passado nas cidades de Curitiba (PR), Natal (RN) e Uberlândia (MG), o serviço teve adesão de mais de 37 mil usuários, ampliando suas atividades para 12 estados: Paraná, Rio Grande do Norte e Minas Gerais, além do Rio de Janeiro, Santa Catarina, Pernambuco, Ceará, Paraíba, Piauí, Alagoas, Bahia e Sergipe.

Com ele, pelo celular, é possível ativar a conta através da realização de um auto-cadastro e, após depósito feito em qualquer lotérica da Caixa, realizar pagamentos, transferir dinheiro para outras contas móveis e comprar recargas da operadora. Já as compras em estabelecimentos comerciais são feitas com o cartão físico, que poderá ser adquirido por R$ 15 em pontos de venda TIM ou pela loja virtual da operadora (lojaonline.tim.com.br). O saldo máximo da conta é de R$ 5 mil.

Esse serviço mostra que o mobile banking é uma tendência e vem crescendo no Brasil. Segundo levantamento da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) realizado junto às sete principais instituições financeiras do país, as transações feitas por internet banking e mobile banking responderam por 58,5% do total no primeiro semestre de 2015. No final de 2014, as operações por estes canais digitais somaram metade do total, o que comprova a tendência de aceleração do uso. A consultoria IDC Brasil também estima dados positivos: 30% das transações financeiras realizadas no país em 2016 acontecerão através de dispositivos móveis, segundo a empresa.

“Ao longo dos próximos anos, o mercado de mobile money trará uma mudança relevante para a vida dos consumidores brasileiro, assim como aconteceu com a internet móvel. Por isso, desenvolvemos o TIM Multibank Caixa, oferecendo um serviço seguro, de fácil utilização e sem burocracias para ampliar o acesso da população ao universo financeiro. Sabemos, por exemplo, que 50% da nossa base pré-paga não possui conta em banco. Ou seja, temos espaço para atuar e beneficiar ainda mais nossos usuários”, destaca Fábio Freitas, responsável por Finance & Insurance Services na TIM Brasil.

Feito em parceria com a Caixa e o Mastercard, cada empresa fica responsável por um serviço. A MasterCard oferece a plataforma de pagamentos móveis, pelo processamento das transações e pela bandeira de aceitação; a Caixa faz a gestão da conta e a disponibilização dos serviços financeiros; enquanto a TIM se encarrega de promover as interfaces de uso no celular e comercializar o produto para sua base de clientes.

O serviço de cinta financeira pré-paga da TIM funciona através da tecnologia USSD e com envio de mensagens de texto (SMS), sendo compatível com qualquer modelo de celular comercializado pela operadora, sem necessidade de serviço de dados. A expansão nacional está prevista para os próximos meses.

Com assessoria

 

Economia