Cultura

PB continua no Super Star: Dois Africanos se classifica para próxima eliminatória

Atualizado em: 01/06/2015

11273800_10202812387351347_1749595825_o

Neste domingo, o duo Dois Africanos, venceram mais uma eliminatória do Superstar, da Rede Globo. O programa, que busca revelar os novos grandes astros da música brasileira, levou neste domingo (31), a dupla que tem como padrinho o cantor Thiaguinho. Além de Dois Africanos, a Paraíba também foi representada por Yegor e los Bandoleiros, que não conseguiu passar para a próxima eliminatória.

Izy Mistura e Opai Bigbig se conheceram em meados de 2012 em João Pessoa , cidade onde Opai faz intercambio no curso de Relações Internacionais, na Universidade Federal da Paraíba. De lá pra cá eles começaram a trilhar juntos o caminho da música.

Em 2014 eles lançaram o primeiro álbum, Primeiro Passo. Um álbum que fala um pouco da história de cada um e que busca reafirmar a união África – Brasil. “O Primeiro Passo não era pra ser o nosso primeiro álbum. Tinhamos um repertorio diferente, mas depois entendemos que haviam questões mais urgentes para se responder, como mostrar a África, reafirmar a união entre a África e o Brasil e contar ao público coisas sobre nossas vidas.” , afirmou Izy.A linha musical deste primeiro álbum é uma grande mistura do Afrobeat, Funk, Samba e Pop todos dentro do principal estilo da dupla, o Word HipHop. A música que mais fez sucesso foi a última a ser gravada durante o período de produção e gravação e foi a apresentada na primeira fase do Superstar, Eu Sou de Lá.Nestes anos fora de sua terra natal a dupla compreende o quanto já evoluíram na sua arte e nas suas independências. “Sair da casa do seus pais e ter que aprender a se virar sozinho te traz um amadurecimento enorme. Sempre comento com meus amigos intercambistas que chegamos aqui meninos e saímos daqui homens. Não é sempre só alegria, vez ou outra a saudade aperta, mas como o Big fala, somos filhos do mundo. Onde quer que estejamos, o importante é viver o momento, dar o melhor de si, marcar o lugar e aprender o máximo” contou Izy.

Fonte: Paraíba Já com informações do Hiperativo Cultural

Cultura