Cristiani Meller

Cristiani Meller

Cristiani Meller, Analista Financeira e Gerente Comercial do Portal Mulher de Fato.

O São João mudou

Hoje, as alegrias viraram saudade. As brincadeiras, apenas lembranças. E a festa de SÃO JOÃO, das fogueiras queimando e do “fumacê” no meio do mundo só tem sabor de uma juventude que se foi!…

Os sonhos da donzela tomavam forma, dentro da afoiteza para descobrir quem seria o “felizardo” para com ela se casar. E vinha a “faca na bananeira”; as “agulhas na bacia com água benta”; “o galo comendo milho” aos pés de uma roda de moças pra se saber quem seria a 1ª a casar; “a mesa posta para o mancebo aparecer em sonho”, tudo devidamente passado por cima da fogueira que era para o “santo” abençoar. Um amontoado de crenças, superstições, simpatias, tão ao gosto dos mais antigos e, em alto vôo, o sabor das fantasias adolescentes…

Os balões subindo, o fole roncando, as saias de roda, o traje matuto, quadrilha, ciranda, a vontade de tudo, menos a lembrança e os cuidados de “exaltar o Santo”.

Agora, o SÃO JOÃO é mais estilizado: festa de rua, não aquela intramuros da fazenda ou do quintal das casas. Estas ainda são realizadas, mas sempre com uma passada, antes ou depois, no forrobodó do povão.

Sinal dos tempos, mudanças sociais irrefreáveis, ”folkways” e “mores”, hábitos e princípios quebrando suas forças e dobrando a metafísica dos costumes. Uma época em que jamais se poderia pensar que tanta coisa estaria para mudar e acontecer…

Hoje: O passar das horas e dos minutos fazendo a gente pensar nisto tudo, enquanto o “fuzuê” lá fora já começa e ameaça crescer. O mês de junho se aproximando e com ele não somente os festejos juninos, também o prelúdio de uma Copa Mundial que não se sabe até onde vai somar às investidas regionais, características e tradicionais do irrequieto povo brasileiro.

Vamos pois, deixar o “passado” no seu devido estágio e lugar. Importa, sim, o que permaneceu: O braseiro dentro da gente, queimando que nem as fogueiras em noites frias de junho, diferentes porque mais “calorosas” e sempre disponíveis para bem receber quem nos visita…

… Na certeza de que “Os balões hão de ser com certeza, as estrelas aqui deste mundo”… e as estrelas no espaço profundo… são os balões lá do céu…”

Yolanda Fernandes Mendes Leite
Assistente Social – Coordenadora de Eventos da UNITI/PB
Professora Aposentada da UFPB

Mais postagens de Cristiani Meller