Beleza e Moda

Personal trainer dá dicas para quem quer começar a correr

Atualizado em: 24/05/2014

2012070892816jpg

Quer começar a correr mas falta não sabe como dar aquele pontapé inicial? A personal trainer Viviane Vianna, da Clínica Andréa Santa Rosa, no Rio, listou dez dicas essenciais para quem deseja praticar a atividade, mas tem medo do corpo não dar conta do recado. De acordo com a especialista, é fundamental fazer o corpo se adaptar aos poucos ao exercício, para evitar lesões. Outro conselho importante é jamais usar roupas pesadas para aumentar a transpiração: a personal alerta que esta prática, além de não emagrecer, pode ser perigosa. Confira a lista completa:

– Procure um profissional da área de saúde (fisioterapeuta,ortopedista ou educador físico) para identificar possíveis potenciais lesivos e também padrões errados na forma de correr.

– Evite usar tênis velho. Se estiver muito desgastado, o sapato pode não absorver bem o impacto durante a corrida, o que pode provocar lesões no joelho, quadril e coluna.

– Cuidado com o tênis frouxo. Se não estiver bem preso aos pés, o calçado também pode provocar “canelite”, como é chamada a tendinite do músculo da perna.

– Principalmente no começo, evite correr todos os dias. A falta de preparo e costume pode provocar tendinites, bursites e lesões articulares como condropatia patelar.

– Iniciantes também devem intercalar caminhada e corrida. Uma boa fórmula é a seguinte: para cada cinco minutos de caminhada, fazer um minuto correndo, repetindo a série pelo menos quatro vezes. Assim, o corpo terá mais facilidade de se adaptar à nova atividade.

– Mesmo para quem já está habituado a correr, é indicado intercalar a corrida com outra atividade, como a bicicleta. Se não for possível, intercale treinos mais fortes com mais leves.

– Nunca se esqueça do aquecimento antes de começar a correr. Vale tanto alongamentos leves como uma caminhada antes da corrida. Se a musculatura e as articulações estão frios, a probabilidade de lesões musculares como contraturas é maior.

– Se possível, mude o terreno da corrida. Grama, areia, esteira e asfalto são opções. Dessa forma, a probabilidade de lesões por estresse diminui.

– Procure fazer exercícios voltados para o fortalecimento e o alongamento dos membros inferiores para evitar lesões musculares, como estiramentos e lesões articulares.

– Além do calçado apropriado, a roupa também é essencial. Roupas leves com tecidos específicos são as mais indicadas. Jamais utilize roupas pesadas para aumentar a transpiração: isso não emagrece e apenas provoca a perda de líquido. A desidratação pode provocar lesões musculares e até desmaios.

 

 

Fonte: Ela Beleza – O Globo

Beleza e Moda