Beleza e Moda

Garras afiadas: a unha da vez é redonda, pontuda e com centímetros extra

Atualizado em: 13/06/2014

esmalte-1

Nem rímel, nem batom, nem blush. Uma das minhas primeiras paixões no universo da beleza foram os esmaltes. Me lembro muito bem de estar sentadinha no salão de cabeleireiro do clube, esperando para pintar comesmalte escuro pela primeira vez (a cor, se não me engano, era o Ameixa, da Colorama).

Desde essa época, adoro fazer as unhas – religiosamente, uma vez por semana – e ando compelomenos três esmaltes na bolsa (geminiana indecisa, sempre). Há uns dois anos, quando a manicure perguntou o de praxe: “Quadradinha?”, referindo-se ao formato predileto das brasileiras, sugeri tentarmos arredondar as pontas das unhas que estavamcompridas. Era o auge de Lana del Rey e Adele, duas estrelas do showbizz que ficaram conhecidas não só por seus hits musicais, mas por resgatarem garras pontudas à la Marlene Dietrich e Betty Draper, personagem de January Jones no seriado Mad Men – e minhas inspirações.

As pop stars são fãs: Rihanna e Lana Del Rey cultivam garras arredondadas e extralongas (Foto:  )

O resultado não podia ter sido melhor: além de adorar o novo shape pontudinho, minhas unhas passaram a quebrar menos, sendo mais fácil mantê-las longas. “Indico para quem tem unhas fracas e comtendência a quebra; o formato redondo evita esses tipos de problema”, diz Dinalva Cajueiro, uma das manicures mais requisitadas do salão de Marcos Proença, em São Paulo, e preferida de Luiza Setúbal, adepta das redondinhas, que exibe com frequência em sua conta do Instagram (@luizasetubal), adornada pelos anéis e pulseiras recém-chega-dos em sua Lool, a multimarca de bijoux mais bacana do País. “Deixei elas crescerem para o meu casamento e escolhi o formato arredondado porque acho menos “perua” e mais vintage, tudo a ver comigo”, explica a empresária.

Com perfume vintage, as unhas arredondadas conquistaram o mundo da moda e as capas de Vogue. Ao lado, Kate Moss na edição inglesa e Miley Cyrus na alemã (Foto:  )

Elemento complementar também ao uniforme fashion das estilistas Paula Raia e Cris Barros – as duas são novas adeptas dasunhas pontiagudas –, o formato pedeumcomprimento específico: longas o suficiente para complicar um pouco as ações do dia a dia, como mandar um whatsapp e escrever um e-mail – mas nada que o tempo não faça virar costume. A questão cor também é importante: por mais que o azul claro esteja na moda e o nude seja um coringa sempre chique, as garras arredondadas vão bem com vermelhos e tons de vinho.

  (Foto:  )

Alix Duvernoy (@___a_l_i_x), que faz de suas unhas compridérrimas (e redondas) marca registrada desde 2010, pinta praticamente só comcores escuras – “alémdos vermelhos, gosto de roxo, que combino comanéis da mesma cor e azuis”, conta a stylist que vive em Londres e faz as unhas por lá comuma brasileira. A escolha do shape vemde família: “Minha mãe sempre lixou as unhas redondas – e diz que acha horrível quadrada. As da minha avó Ruth, que éuma grande fonte de inspiração para mimem todos os sentidos, também aparecem assimnas fotos. Logo, foi o que adotei para sempre”, explica.

Pelo Instagram, você descobre que as estrelas do pop como Rihanna, Beyoncé e Katy Perry também são adeptas das redondas, só que bemcompridas e geralmentenãonaturais.O formato logicamente virou ainda o queridinho dos stylists. Esse tipo de unha tem aparecido direto em desfiles (comoosmais recentes da DSquared2 e Badgley Mischka), campanhas (como a da linha de beleza de TomFord) e capas de Vogue. Asunhas das cover girls Kate Moss (para a Vogue inglesa de junho de 2013) e Miley Cyrus (fotografada por Mario Testino para a edição alemã de março último) dão um allure à produção e parecemsaídas de fotografias de Guy Bourdain. Lixa a postos, já está pronta para aderir?

 

 

Fonte: Vogue

Beleza e Moda