Beleza e Moda

Floral no altar: print primaveril dá o tom aos looks de madrinhas da vez

Atualizado em: 25/05/2014

madrinhas_1

Esqueça o velho mandamento do dress code que limitava o uso dos vestidos estampados aos casamentos diurnos ou informais. Relegado às festas na praia e aos almoços na fazenda, o aparentemente despretensioso motivo floral ganhou outro status e tem ofuscado muito look trabalhado no bordado brilhante nos casamentos marcados para depois das seis da tarde.

Para impressionar em cerimônias noturnas, porém, é preciso mais do que um vestidinho de flor. Uma das dicas é escolher um desenho importante. “Costumo preferir as flores grandes e coloridas num fundo escuro”, diz o estilista Sandro Barros, que não por acaso acaba de lançar coleção de festa intitulada Jardin D’Hiver, cheia de motivos florais e referências artsy. Além do tipo de print,a modelagem e o tecido vão definir o grau noite de sofisticação do look, que pode vestir muito bem da convidada à madrinha. No último caso, pondera Sandro, o tecido tem que ser espetacular, “como uma zibelina”, e o shape, marcante. “Pode ser uma saia bem volumosa”, sugere.

Quem precisar de mais incentivo para se convencer de que as flores têm tudo para ser “o” grande diferencial de um vestido de noite, basta lembrar do modelo Givenchy da personagem de Audrey Hepburn em Sabrina (1954), um tomara que caia branco de saia rodada com bordado preto de flores.

 

Fonte: Vogue

Beleza e Moda