Beleza e Moda

Cantora Adele faz a cabeça das mulheres com inspiração dos anos 1960

Atualizado em: 20/03/2012

A cantora Adele é destaque na música e suas aparições ajudaram a fixar uma tendência, que está fazendo a cabeça das mulheres com toda uma inspiração nos anos 1960, de penteados muito volumosos. O estilo foi sinônimo de glamour na década de 1960, muito tempo antes de a cantora britânica de 24 anos vir ao mundo. Os penteados, quemarcam o visual de Adele enquanto encanta com seus sucessos, como Rolling In The Deep e Someone Like You, podem ser facilmente reproduzidos e de várias formas, explica o cabeleireiro Luis Fernando Araújo, o Nando, do salão de beleza Lady&Lord do Shopping Mueller.

“Elas vão desde um cabelo muito alto com bastante volume e muito desfiado até os coques baixos, que podem ou não ter volume”, diz o profissional. O coque foi o penteado mais marcante dos anos 1960 e voltou com tudo. A tendência ficou clara na última edição do Oscar, quando diversas celebridades de Hollywood investiram  no look, como Jennifer Lopez, Kelly Ripa, Tina Fey, Emma Stone, Shailene Woodley e Olivia Wilde. “Ele está altamente em moda, relembrando toda a atitude feminina, em uma época de marcantes transformações em cabelos, roupas e maquiagem, que hoje estão repaginadas”, afirma.

Segundo Araújo, o coque pode ser usado por todos os tipos de mulheres, em variadas idades. “Ele valoriza o rosto e destaca seu formato. Há coques para todos os desenhos de rosto e ocasiões”, afirma o cabeleireiro, que explica como é cada um:

Coque banana – um dos mais tradicionais, é lindo e elegantíssimo. Fica bem em todos os tipos de rosto. Nas faces mais largas, usamos com franja para frente. Se a mulher não tem franja, o cabelo pode ficar para o lado, com alguns fios soltos.

Coque baixo, com trança na parte de trás – muito moderno, pode ser usado de forma mais bagunçada. A franja também para frente. Serve a todos os formatos de rosto.

Coque bola – muito volumoso, bem no alto da cabeça. Perfeito para as noivas. É muito chique. Serve a todos os tipos de rosto.

Coque rosquinha – bem no alto da cabeça, lembra uma rosca, consagrada pela imagem da atriz Audrey Hepburn, no filme Bonequinha de Luxo. Ideal  para as jovens e rostos mais finos.

Coque clássico – é o mais fácil de fazer, que usa-se muito de forma involuntária, nos dias de calor. Fica bem em rostos finos, mas nos mais cheios também pode ser feito, com fios soltos na testa ou com franja. Nos rostos cuja testa é muito larga, é mlehor usar franja o cabelo bem para o lado.

Coque com trança lateral – ideal para todos os tipos de rosto.

Aliados

Entre as técnicas para um penteado bem sucedido, a principal é a do cabelo desfiado. “Também contamos com produtos de fixação forte na raiz e na extensão dos fios. Outro grande aliado são os bobes, de preferência os de tamanho grande”, revela Araújo. Se não quiser prender, mas mesmo assim quer um look á la 1960, o cabeleireiro do Lady&Lord dá a dica: aposte em penteados bem volumosos com muito desfiado e volume. Brigite Bardot, Amy Whinehouse, Avril Lavigne, Martha Rocha e as inesquecíveis misses da época, com seus cabelos impecáveis, servem de inspiração.

Assessoria

Beleza e Moda