Beleza e Moda

Borracha sustentável compõe recriação de sandália usada por Ghandy

Atualizado em: 12/08/2013

gandhi_wallpaper2

Os economistas indianos Prem Thomas e Joe Choorapuzha se conheceram há cerca de três anos, enquanto trabalhavam em Nova York. Por acaso, descobriram que cresceram na mesma rua de Kerala, na Índia, onde as famílias de ambos trabalham com o manejo sustentável do látex, matéria-prima da borracha.

Foi aí que eles tiveram uma ideia: redesenhar uma antiga sandália indiana (de 5.000 anos) e concebê-la como uma peça mais confortável, original e eco-friendly. A versão tradicional, revestida em madeira, chegou a ser utilizada por ninguém menos que Mahatma Ghandi. Já a Gurus, idealizada pelos empreendedores, tem a borracha natural proveniente das árvores indianas como matéria-prima, e pode ser considerada biodegradável.

"É um calçado moderno, com design arrojado e mais confortável do que as sandálias e chinelos convencionais, por conta da borracha natural", destacou Prem. Segundo ele, a matéria-prima utilizada na Gurus é colhida e processada pela mão de seringueiras. "Este processo pode continuar diariamente durante 25 anos, sem prejudicar a árvore. Decidimos trazer uma parte de Kerala", completa.

Agora, os ex investidores do Banco da América apostam no empreendimento, que busca financiamento no site coletivo Kickstarter. Até o fechamento deste post, eles precisavam de US$ 12 mil (cerca de R$ 20 mil) para tocar o projeto em frente – o prazo final é o dia 5 de setembro. Caso a empreitada vingue, Prem e Joe prometem plantar uma árvore para cada par de Gurus vendido.

Eco D

Beleza e Moda